Google+ Badge

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

FRUTAS FRESCAS NO QUINTAL

Vejo as luzes da cidade se acenderem
E deste lugar tranquilo e distante
Fico a imaginar o burburinho da cidade

Perto de mim corre um rio
Tranquilo e sereno
Patos e marrecos nadam na lagoa
E os peixes parecem felizes saltitantes

À noite posso olhar as estrelas
E identifico o cruzeiro do sul
As três Marias e é uma beleza a luz do luar
Não há poluição posso encher os pulmões de ar

As corujas correm atrás de ratos e morcegos
Tentando se alimentar e eu me estico na rede
Em paz comigo e com a vida somente a observar

Não há dinheiro que pague
A tranquilidade das pequenas cidades
A paz de espírito, ser reconhecido na rua por todos
Andar de bicicleta e comer frutas frescas do quintal...

Mário Feijó
04.01.10
Postar um comentário