Google+ Badge

sábado, 11 de fevereiro de 2012

PENAS DE UM VIVER




Quem disse que devemos
Ficar eternamente chorando?
Eu sei que não voltarás
Vi o veludo das tuas cinzas...       

Quanta dor,
Porém sei e sinto
Que estás bem
Porque sabes que fomos felizes... 

Tu rompeste teu casulo e voaste
Eu não passo de uma larva em evolução
Que procura frutas
Aonde possa se instalar... 

Tu sabes que tenho boas intenções
Mas diz o ditado “que de boas intenções
O inferno está cheio” então que se viva
E se sofra todas as penas de um viver...

Mário Feijó
12.02.12
Postar um comentário