Google+ Badge

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

NEGAÇÃO DO AMOR





Eu sempre te quis
Tu nem ao menos percebeste
Dizias que era amor
Mas um amor diferente 

Não existe amor diferente
Existe amor ou não existe
E alguns dizem “eu te amo”
Depois de uma única noite de amor

Outros que não querem amar
Que não sabem amar
Que não podem amar
Porém banalizam o amor 

Porém eu só sei amar assim:
Dando-me por inteiro
Não sou feito de pedaços
Quando eu amo é sem rodeios... 

Mário Feijó
09.02.12
Postar um comentário