Google+ Badge

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

NO QUINTAL DA NOSSA CASA


NO QUINTAL DA NOSSA CASA 

Era um simples matinho
Aquele no meu quintal
Mas na grama vinham pardais
Sabiás e até canários
Buscar a comida
Que eu pra eles jogava 

Em troca me davam seus cantos
Os pardais apenas chilreios
Mas os sabiás um pouco mais majestosos
Quando tinham vontade (é verdade)
Davam um pouco mais que os pardais... 

Minhas netas querendo ser generosas
Jogavam os restos da salada que não comiam
Como tomate e alface (que um dia descobri)
Então eu lhes disse que os pássaros
Não comiam saladas nem faziam dietas
No máximo comem farelo de pão e arroz... 

Nossa poodle irrequieta e ensandecida
Corre atrás de tudo o que se move
Por sorte eles a perdoam e voltam sempre
Mesmo assim ela vai lá e enciumada
Come a “salada” dos pássaros... 

Penso que esta cachorra
Esta sim está de dieta
Porque come tudo que é fruta
E a salada que as meninas
Escondido atiram aos pássaros...


Mário Feijó
06.08.12
Postar um comentário