Google+ Badge

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

VAQUINHA DE PRESÉPIO




Eu estou vivendo
O meu momento
Vaquinha de presépio
Não tenho vontade pra nada 

Se me colocam sentado num canto
Lá fico eu quieto e contemplativo (ou seria depressivo?)
Ontem me descobriram com o lixo
Embaixo do tapete – eu tava tão quieto lá – me tiraram 

Agora estou indo pra casa
Sozinho? Claro que não!
O ônibus estava lotado
E dentro das minhas malas
Os meus dramas querendo todos sair... 

Quem sabe lá no que eu pensava ser meu lar
Eu encontre os meus pedaços quebrados
Nada mais será o mesmo
Mas é lá o lugar onde todos os meus cacos estão... 

Mário Feijó
11.01.12
Postar um comentário