Google+ Badge

segunda-feira, 21 de março de 2011

O BAILADO DAS FLORES DO CAMPO


Eu te ouço
Quando ouço o vento
Quando ouço árvores
Conversando sobre nós

Ouço todos os teus recados
Quando escuto a lua
Confidente das horas cheias
Na minha crescente esperança

E no bailado das flores do campo
Eu vejo o teu brilho
Eu sinto o teu cheiro
Como se fora uma festa

Mas meu coração cansado
Às vezes me diz que
Eu não serei eterno
Mas sei que eternamente te espero...

Mário Feijó
21.03.11
Postar um comentário