Google+ Badge

segunda-feira, 7 de março de 2011

EM RELAÇÃO AO AMOR


Algumas vezes eu penso
Que me bastaria um sorriso teu
Como se fosse uma brisa suave
Refrescando uma tarde quente

Noutras eu quero um pouco mais
Quero risos soltos, brincadeiras, barulhos
Assim eu saberei que meu dia
Tem movimento, tem alegria...

Seria como rajadas de vento
Entrando pela casa, batendo portas
Chacoalhando sinos da felicidade
Levando pólen de um antúrio ao outro

Em relação ao amor
Eu sou assim: o dia em que
Não houver mais tesão em minha vida
Será porque meu fim estará próximo...

Mário Feijó
07.03.11
Postar um comentário