Google+ Badge

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

ENCONTROS DE NÓS DOIS




Eu sinto que me diluo
Em tudo o que escrevo
E aqueles que me leem
Se encontram comigo
Em algum lugar que se não existiu
Passa a existir...

O futuro é agora
E nós dois abraçados
Estamos numa aura invisível
Derramamos lágrimas de saudades

Não há mais solidão
Aprendemos a nos amar
E passamos a existir
Em todos os nossos “eus”
Agora transformados em nós...


Mário Feijó
13.01.11
Postar um comentário