Google+ Badge

sábado, 14 de maio de 2011

QUANDO AS CACHORRAS SE ENCONTRAM...


Uma é manhosa
Só quer colo...
A outra até
Já agarrou um “negrão”...

Uma é crespa
Por natureza
A outra faz “mis-an-plis”
Para crespa ficar...

Uma sai latindo “au-au”
A outra quando
Via um “gato”
Dizia “miau”...

Hoje uma é madrinha
A outra afilhada
Eu sou Juliet
E aquela crespa é a “dinda” Nice...

Juliet Rostro
 (por Mário Feijó)
____________________________________

(*) Juliet é uma cachorra poodle de um ano de idade e Nice é uma amiga nossa com 72 anos que se intitulou madrinha de Juliet. Como Nice faz hoje aniversário, eu Mário Feijó resolvi fazer um poema em nome de Juliet para oferecer à sua Madrinha... a estória do Negrão é o seguinte: faz mais de um ano um rapaz atacou a Nice e a roubou, e nós brincamos dizendo que foi ela quem atacou o rapaz porque era um negro muito bonito, segundo ela.
Postar um comentário