Google+ Badge

domingo, 17 de agosto de 2014

ABENÇOADA ÁGUA



ABENÇOADA ÁGUA

Descendo dos céus
Caia ela límpida
Pura, abençoada
Escorria nos rios
Corria em direção ao mar
Não sem antes
Matar a nossa sede
Deixar do chão brotar
Os grãos transformados em pão
Que saciam a fome de muitos...

É assim que a abençoada água
Batiza os seres vivos
Escorre em nossas veias
Disfarçada de sangue
Que faz nosso coração bater
Todas as vezes
Que pensamos nela com amor...

Mário Feijó
17.08.14
Postar um comentário