Google+ Badge

domingo, 16 de dezembro de 2012

GATOS



GATOS

Eles eram dois gatos
Dois gatos negros
Que a noite escondia

E como todos os gatos pardos
À noite se perdiam
Nos becos da vida
Nas esquinas do mundo
Que mudo calava-se...

Gatos travessos, escorregadios
Como todos os gatos sem donos
Porque gatos são donos de si
Gatos escolhem quem querem
Que seja seu bicho de estimação...

Gatos soltam-se no mundo
Voltam somente quando querem
E não adianta pedir explicação

Se quiser ter um gato
Tenha sempre as pernas disponíveis
Para quando eles precisarem
Esfregar os seus rabos...

Mário Feijó
16.12.12
Postar um comentário