Google+ Badge

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

VÁ!





Vá!
Podes ir embora
Sei que já deves ter
Alguém em meu lugar
Mas com certeza
Ninguém tocará teu corpo
Com o meu toque de cachoeira fresca
Com explosões vulcânicas
Do jeito que eu te fazia sentir
E em todas as erupções
Um êxtase que te levava ao paraíso...

Vá!
E se um dia te arrependeres
Saibas que eu não estarei mais
À tua disposição
Com meu corpo inteiro
A te esperar...

Quero que saibas
Que já cansei de te aguardar
E de me submeter às tuas chantagens
Por um pouco de amor...

Mário Feijó
05.11.10
Postar um comentário