Google+ Badge

terça-feira, 9 de novembro de 2010

LEMBRANÇAS


São lembranças:
        A água da chuva
Que corria do teu olhar
O barulho das ondas do mar...

Houve dias
Em que eu via
Nos teus olhos
A luz do sol brilhar

        Mas tudo virou lembrança:
        Você (e tudo o que eras)
        Nossos momentos de amor
        Teu sorriso embriagador...

Eu sou somente o quarto branco
Luz forte
Igual todos os dias
Sou deveras assustador...

Mário Feijó
09.11.10  
Postar um comentário