Google+ Badge

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

BORBOLETAS LIVRES




Foi-se o inverno e o frio
E no despertar do dia
Há sementes que brotam
Folhas e flores se abrem...

Pássaros correm excitados de um lado para o outro
Pessoas mudam de vida e de comportamento
Aves fazem ninhos e ganham novas plumas
Há mais luz – os dias ganham mais vida...

Até tu que te cobrias por inteiro
Agora te desnudas em cores
Há nos teus lábios doçura
E de tua boca fluem sorrisos...

Ouço música e pássaros cantando
As flores bailam ao vento
Chamando a atenção dos colibris...

Borboletas saltam livres pelos jardins
Os campos abrem-se em cheiros
Pródiga primavera que tudo muda
Pródigo sou eu que mereci esta riqueza...

Mário Feijó
18.09.09
Postar um comentário