Google+ Badge

domingo, 11 de janeiro de 2015

RAIO DE LUZ

RAIO DE LUZ

Eu tinha sonhos
Sonhos que você levou
Quando abriu suas portas
E nela deixou a morte entrar

Não se despediu
Não me disse adeus
Apenas disse:
Eu sou feliz!

Então aprendi a ser feliz
Todos os dias, todas as horas
Numa rude esperança de partir

Tal qual você fez...
Caiu um raio de luz
e você dentro dele sumiu...

Mário Feijó
11.01.15 
Postar um comentário