Google+ Badge

sábado, 14 de dezembro de 2013

CARTA DE BEIJALOTE À SABRINA




CARTA DE BEIJALOTE À SABRINA

Cara Sabrina

        Fiquei muito triste ao saber que você mandou o rei me prender, em sua estória.
Saiba que eu não tive culpa se a baleia engoliu Bela. Ela era uma princesa muito impetuosa, além do mais uma ingrata, visto que fui eu quem avisou seu pai que a baleia a engoliu. Agora tenho que ficar sozinho aqui nesta prisão.
Querida Sabrina eu nem era muito apaixonado mesmo por Bela. Acho você mais linda que ela e ficarei feliz se você disser que posso esperar você crescer para te namorar.
Sabe... Eu estou aprendendo culinária aqui na prisão. Quero fazer um ensopado de baleia quando sair daqui...
Se puder mande um desenho de sua cidade pra mim e responda a esta cartinha dizendo se posso esperar por você.
Quem sabe podemos um dia ir juntos à Paris fazer um curso de culinária e abrir um restaurante chique.
Aguardo ansioso sua resposta sofrendo a solidão nesta prisão (onde você me colocou, se quisesse poderia falar com o rei e me tirar daqui).

Com saudades

Beijolote



Mário Feijó
14.12.13
______________________________

(*) Sabrina é uma escritora de 7 anos que escreveu uma história de uma baleia que engole uma princesa chamada Bela quando esta passeava na praia com seu namorado Beijalote. Ele vai a seu pai e conta o ocorrido então um Marinheiro chamado Jack salva Bela de dentro da baleia e se casa com ela. O rei indignado manda prender Beijalote.

Eu Mário Feijó tomei as dores de Beijalote que não vi como culpado e resolvi escrever em nome dele à Sabrina provocando nela uma resposta. Vamos ver o que acontece. Se ela responder à carta de Beijalote mostrarei a vocês...
Sabrina fala para os pais que quer ser estilista e morar em Paris, mas agora vive querendo aprender culinária.

A carta tem os ingredientes provocativos... vejamos.


 
Postar um comentário