Google+ Badge

terça-feira, 10 de julho de 2012

OLHOS DE JABUTICABA


OLHOS DE JABUTICABA 

Um brilho na noite
Orgasmos de vagalumes
Que piscavam e acendiam
No escuro: o negrume... 

E teus olhos me olhavam
Como se neles luzissem as estrelas
Como alcançá-las em teus olhar
Tão negros feito jabuticabas? 

Eu não sei por que te quero
Porém de longe sinto teu cheiro
Como se houvesse energia de cio
Que me chama para teus braços 

E no campo a luz da lua ilumina!
Abaixo dela apenas teus olhos
Que me focam com paixão
Arrancando-me todas as roupas... 

Mário Feijó
10.07.12
Postar um comentário