Google+ Badge

domingo, 1 de abril de 2012

UMA MISTURA DE SAUDADES





A alma da gente é feito a água: ela vem do céu e volta pro céu, num eterno ir e vir... Goethe





Somos muito pequenos

Para entender a grandiosidade de Deus

Para entender a grandiosidade do universo

No tempo somos menos que uma borboleta

Que vive apenas 24 horas...



Alguns ainda pensam que são

Maiores que os outros

Quando não passamos

De poeira cósmica...



Agora eu sinto saudades

Numa mistura de dores n’alma

Numa mistura de nulidade

Numa certeza de pequenez finita...



Neste momento tudo o que eu queria

Era ser o nada para então me recolher

A tudo o que eu sempre fui...



Mário Feijó

31.03.12
Postar um comentário