Google+ Badge

quinta-feira, 4 de abril de 2013

EMOÇÕES QUE SE FORAM







EMOÇÕES QUE SE FORAM

Não te vás agora
Espere ao menos
A lua crescente
A nova foi ausente
Nas nossas noites de amor...

Não me diga adeus
Espere pela flor
Que se abre na palmeira
Que plantei num vaso
No centro da sala...

Sei que tens tempo
Eu é que não tenho mais
E o vento geme na janela
Quando ouve o silêncio
Que deixaste em meu quarto...

O meu corpo já nem se arrepia
Quando a água por ele escorre
Tampouco reage às ondas geladas
Na beira do mar gritando saudades
Num coração que sem emoções pulsa apenas...

Mário Feijó
03.04.13
Postar um comentário