Google+ Badge

quinta-feira, 18 de abril de 2013

É PRECISO CALMA



É PRECISO CALMA

Calma!
               É preciso calma
               Para superar
E a alma impassível
               Quase foge pela minha boca
               Quando o peito bate
               E a tristeza arde
               Lá no interior
E tristeza,
Lembra lugar pequeno
Pouca gente
Melancolia
Cidade do interior
E tristeza dói
               Como se fora
               Dores de um parto
Porque tristeza
               Não lembra chegada
               As minhas tristezas
               São todas de partidas
É preciso calma
               Para que a alma
               Não fuja
               Feito um gato arisco...

Mário Feijó
18.04.13
Postar um comentário