Google+ Badge

domingo, 10 de abril de 2011

ALFABETIZAÇÃO DE ADULTOS




        Tudo parece ser perfeito quando fazemos alguma coisa por amor. E doar-se a alguém é amar este alguém com um pouco do amor que você tem.
Não queremos ser perfeitos. Tampouco queremos brincar de deuses, mas a fantasia e o lúdico nos levam a uma realidade diferente daquela do dia a dia.
É isto fazemos quando usamos a poesia ou qualquer outro tipo de arte – viajamos...
Eu entrei neste projeto com a intenção de fazer pessoas desprovidas da oportunidade de sonhos quando jovens a querer sonhar mesmo numa fase adulta de suas vidas. Não importa os motivos porque seus sonhos não aconteceram. A realidade sempre lhes foi dura e hoje têm a chance de mudar tudo isto.
Alguns têm mais de 80 anos e descobriram que podiam sair da escuridão aprendendo a ler e escrever. E foi o que realmente aconteceu...
No entanto eu tentei ir um pouco mais além das letras que já tinham voluntárias muito competentes fazendo. Eu levei a estes adultos/meninos sonhos e fantasia e ao despertá-los com a cor, a imagem, o desenho, a poesia criar neles a expectativa de uma realidade possível que lhes dizia que o sonho é possível. Que aprendemos todos os dias de nossa vida enquanto estivermos respirando, não importa a idade que temos, mas sim que estamos vivos e se temos uma oportunidade temos que apanhá-la porque esta é a nossa hora. Então ela tem que acontecer.
Assim eu agradeço a todos aqueles que ainda querem aprender coisas novas pela chance de ensiná-los o pouco que sei, e também com eles aprender sobre a vida, porque o pouco que eu sei me esclarece que eu não sou nada diante da vida, mas meus braços e meu amor sempre estarão disponíveis para todos aqueles que com carinho me receberam porque esta é a minha lição: faça o que fizer, mas faça-o sempre com amor.

Mário Feijó
(aprendiz de si mesmo)
Presidente da Academia dos Escritores do Litoral Norte/RS
Postar um comentário