Google+ Badge

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

ESPELHO




Puxa! E eu que pensei
Que aquele espelho fosse apenas
Mais um objeto que me refletia
No entanto quando olhei dentro dele
Eu vi tudo de mim...

Vi meu passado
Vi meus amores
Tristezas, alegrias
Vi saudades, vi dores...

Não era um espelho comum
Mostrava parte de minha vida
Mostrou-me inclusive o futuro
O dia da minha partida...

Era como se fosse um sonho
Mas quando olhei para os lados
E vi que na realidade eu assistia
Apenas a um filme que contava tudo de mim...

Mário Feijó
24.08.10
Postar um comentário