Google+ Badge

domingo, 18 de setembro de 2011

TECENDO O AMOR



Eu queria aprender
A tecer destinos
Como fazem as mulheres
Com seus homens, seus filhos, suas vidas 

E numa rede de amor
Envolver o teu corpo
Costurar a tua alma
E agasalhar-me com ela... 

Eu queria
Com os lírios do campo
Tecer o teu caminho
Enredando-o ao meu com sorrisos... 

Eu queria tão somente, sem medo
Envolver tua vida à minha
E tecer felicidade
Feito o bicho da seda... Embalar-te... 

Mário Feijó
18.09.11
Postar um comentário