Google+ Badge

terça-feira, 3 de março de 2015

O TEMPO DE AMAR

O TEMPO DE AMAR

Temos vinte minutos
Mas o que podemos fazer
Em apenas vinte minutos?

Pouca coisa
Ou qualquer coisa rapidamente
Ou amor ligeiramente

Porém o amor pode ser feito
Em qualquer tempo
A toda hora
A todo o momento

Para o amor não há hora
O amor apenas existe
E pode ser demonstrado
Em um milionésimo de segundo

Mário Feijó

03.03.15
Postar um comentário