Google+ Badge

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

CUIDADO: SOU FRÁGIL

CUIDADO: SOU FRÁGIL

Toque meu corpo
Toque o meu coração
Toque a minh’alma
Mas cuidado: sou frágil

Eu sou forte diante das dificuldades
Eu sou forte diante da vida
Eu sou forte até diante da morte
Porém eu só não sou forte diante da indiferença

Aí eu te digo: se você é brisa
Eu sou flor que balança
Mas se você for vendaval
Eu sou flor que desfolha

E se você for inseto
Eu te entrego meu pólen
Que revitaliza a natureza
Que revitaliza a vida

Ame-me intensamente
Mas muito cuidado
Muito cuidado porque eu sou frágil...

Mário Feijó

28.12.14 
Postar um comentário