Google+ Badge

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

VEREDICTO FINAL


Todos os dias acontecem desatinos
Porém nem todos que os cometem
Podem ser chamados de loucos
Ou será que só aqueles instantes foram de loucura?

Onde será que anda a sanidade?
Quais os limites que temos
Para não sermos tachados de insanos?

Há dias que dá vontade
De dançar em plena praça
Noutros de correr pelos campos
Tentando pegar uma borboleta

Quem nunca sonhou
Em sentar na lua
Esperar para ver
Jorge matar o dragão?

Enquanto as dúvidas não se dissipam
Guardo meus sonhos todos num caderno
Esperando um veredicto final
Sobre o certo e o errado...

Mário Feijó
13.12.10
Postar um comentário