Google+ Badge

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

ESPIRITO ASPIRANTE





Do sopro sobrou apenas
Um espírito benfazejo
Refletindo sua luz essencial
Azul, cálida e suave 

Foi o que sobrou
Daquele sopro de vida
Que agora espírito
Não mais respira 

Apenas suspira e aspira
Como todos os novos espíritos
Aspirantes à vida eterna 

Mário Feijó
24.11.11
Postar um comentário