Google+ Badge

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

A BRISA BRINCA NA PRAÇA





Sobre as dunas o vento brincava
Jogando sacos de plásticos
Que os veranistas na praia deixavam 

Bem próximo dali
Num balanço arrebentado
Divertia-se a brisa
Mesmo sem ter aonde sentar 

Os coqueiros que aprenderam
A se curvar aos ventos
Reverenciavam o sol
Num clima de quase verão 

Enquanto isto o velho pescador
Caminhava à beira-mar, por entre as dunas
Recolhendo o lixo do verão passado
Pensando no verão que se aproximava.



Mário Feijó
03.11.11
Postar um comentário