Google+ Badge

sábado, 11 de janeiro de 2014

MEU ÚNICO BEM



MEU ÚNICO BEM

É tão pouco o que eu quero de ti
Basta um sorriso de estrela
Para iluminar o meu dia
Como o sol faz todas as manhãs

E no decorrer do tempo
A mim basta
Uma brisa fresca
Pássaros que gorjeiam

Tudo isto para eu ter dúvidas
“Sou feliz? Ou agora moro no paraíso?”
E quando eu passear por tua pele
Quero afundar nela feito dunas à beira-mar

O resto eu nada peço
Eu não me importo com terras
Não quero ter propriedades
Quero apenas ter você: meu bem!!!

 Mário Feijó
11.01.13
Postar um comentário