Google+ Badge

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

METAMORFOSES II



METAMORFOSES II

Nos dias em que
Eu nem vento sou
Basta-me ser orvalho
Contento-me em ser um cristal quebrado
Porque existo de alguma forma
E sempre poderei ser notado
Por quem tem amor no coração...

Mário Feijó
01.08.13
Postar um comentário