Google+ Badge

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

FEITIÇARIA DE EROS



FEITIÇARIA DE EROS

As minhas carnes tremem
Toda vez em que eu penso em ti
Há um frêmito em meu corpo
Como se por ele passasse descarga elétrica

E quando a tua pele macia
Encosta em meu corpo
Perco o bom senso
A capacidade de raciocínio...

Parece feitiço de Eros
Toda a minha excitação primaveril
Deixo de ter vontade própria
Para ceder às tuas imoralidades carnais

Há tesão em todos os meus poros
Como se um vento forte espalhasse pelo prado
O pólen que de mim se desprende
Para no teu corpo fecundar...

Mário Feijó
08.01.13
Postar um comentário