Google+ Badge

sábado, 9 de maio de 2015

“ACHO QUE JÁ BEBI TODAS”

“ACHO QUE JÁ BEBI TODAS”

E foi assim
Declamando estes versos
Que ela cheia de graça
Leu um de seus poemas

Estava encantadora
Salto alto
Saia rodada
Cabelos penteados

Acho que já bebi todas
Veio depois de um clericot
Quando tudo já tinha terminado
E o grupo se reunia para comemorar

E tropeçando em palavras
E também nas pernas
Ela pediu mais uma
E deu uma umbigada
Passando para o próximo poeta
O direito de recitar um poema...

Mário Feijó

09.05.15
Postar um comentário