Google+ Badge

sábado, 1 de março de 2014

POMPEIA



POMPEIA

Tão forte quanto
A força de um vulcão
Que tudo consome
Tudo destrói
Assim é a força
Que contem uma intriga
Destruindo amores
Que pareciam eternos...

Nada mais será como antes
Como aconteceu com Pompeia
Destruída pela força de um vulcão...

Não aprendemos a ser mais humanos
Nem a respeitar o planeta!
A terra que tudo dá
É também capaz de destruir...

Feito o mar tão belo
Que esconde nas suas profundezas
Os segredos de um vulcão que acorda
Provocando uma tsunami de intrigas...

Mário Feijó
01.03.14
Postar um comentário