Google+ Badge

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

NINHO VAZIO



NINHO VAZIO

Senti um conforto
Como há tempos não sentia
Quando o sol bateu em meu corpo
E eu lembrava minha mãe

Agora estou meio perdido
Vendo novos filhotes a voar
É como se fora a primeira vez

Penso nos predadores
Tenho medo que não se alimentem direito
Que não sobrevivam, mas é assim a vida
Não aprendemos a lidar com as perdas
Não aprendemos a lidar com a morte
Embora seja somente um aprendizado...

Mário Feijó
28.11.13
Postar um comentário