Google+ Badge

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

A CONSTÂNCIA DO AMOR

Algumas pessoas tem
Algo como constante
Em suas vidas

Para umas o sorriso
É uma constante
Para outras o sofrimento

Alguns tem mulheres
Como constantes
Outros tem o dinheiro
E outros a fome

Isto não é uma lamentação
É pura constatação
De fatos da vida

É somente uma constante
Que faz parte de dias da minha vida
E a pior delas em meus dias é a dor

Isto não quer dizer que eu não tenha sido feliz
Ou que não experimente outras emoções
Mas a dor sempre foi a mais forte de todas
Eu a tenho combatido com doses maciças de amor...


Mário Feijó
Inverno/2009
Postar um comentário