Google+ Badge

domingo, 21 de outubro de 2012

SOZINHO


SOZINHO 

Eu não me incomodo
Com a solidão que me envolve
Mas seria delicioso
Se tu estivesses comigo 

O sol se pôs
Veio a lua sorrateira
Porém a noite tudo esconde...
Por onde tu te escondes? 

O tempo passa
E minhas rugas se acentuam
Minha vida escorre
Feito água no riacho... 

Por que será que tu
Não estás aqui me amando
Com a intensidade
Que eu te amo? 

Mário Feijó
21.10.12  
Postar um comentário