Google+ Badge

terça-feira, 23 de julho de 2013

À ESPREITA









À ESPREITA

Frente a frente
        Frente à toca
À espreita
        Sob a luz do luar
Nós dois
        Frente a frente
Lua e mar
        Noite escura
Luar

A lua lambia as ondas
Numa extensa língua brilhante
                Dividindo o mar

                E o felino esperava
Pronto para o bote

As estrelas desesperadas
Cadentes corriam

Sem nada entender
A criança se escondeu
Embaixo da cadeira
O filme apenas havia começado...

Mário Feijó
23.07.13
Postar um comentário