Google+ Badge

domingo, 9 de maio de 2010

TODA DOÇURA




Era tão doce teu olhar
Como é doce um torrão de açúcar
E teu sorriso mostrava
O quanto de amor tu tinhas...

Tanta doçura era compensada
Por uma vida profícua
Que gerava carinho, gentilezas
E gestos de amor...

E ser doce é algo curativo
Que acalenta a tu’alma
E inebria o meu corpo...

O fato de seres tão doce exalava
Um perfume atraente que atiçava
Meus hormônios em forma de paixão...

Mário Feijó
09.05.10
Postar um comentário