Google+ Badge

quarta-feira, 16 de setembro de 2015

SONHOS MEUS

SONHOS MEUS

Quando vejo um colibri
Tenho sonhos de bater asas
De beijar todas as flores
De voar, voar, voar...

Quando cheiro uma rosa
Minhas faces ficam rubras
Eu rosa amarela vivo
Esquentam minhas faces vermelhas...

E se eu vou ao mar
Peixe vivo
Água viva
A respingar gaivotas...

Se sou brisa serena
Doce ilusão volátil
Sonhos de primavera
Tenho noites de vagalumes...

Mário Feijó

16.09.15
Postar um comentário