Google+ Badge

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

LUA NEGRA

LUA NEGRA

Até semana passada
Ela se escondia na noite
Face negra, vestida de negro
Pensei: não quer aparecer

Hoje ela me abriu um sorriso
Meio de perfil
Tímida, logo se foi embora

Vi um pássaro negro
Na borda do telhado
Meu gato ficou à espreita
E eu de orelhas em pé
À procura da lua negra...

Mário Feijó

26.02.15
Postar um comentário