Google+ Badge

segunda-feira, 22 de maio de 2017

SIMPLES ASSIM



SIMPLES ASSIM

Eu simplesmente me calo
Diante da beleza da flores
Da energia do mar
Da luz do sol e do brilho do luar

Eu silencio diante do poder de Deus
Do riso de uma criança 
Do olhar carente dos nossos velhos
E me encanto com o sopro dos ventos 

Com a frescura das matas
Com a vitalidade dos rios
Que saciam os seres vivos

Eu simplesmente me calo
Diante do teu corpo 
Que por vezes apenas me aquece
E sempre me oferece muito amor


Mário Feijó
20.05.17
Postar um comentário