Google+ Badge

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

MOLHA O MEU CORPO

MOLHA O MEU CORPO

O meu corpo
Cansado e suado
Molhado de lágrimas e dor
Precisa do teu para repousar

Quiçá eu descanse feliz
Ou até mesmo em paz
Quando em mim jaz
Uma tremenda aflição

Quero sereno e tranquilo
Ouvir teu ressonar
Quando em meus braços descansas
Feito eu que agora
Descanso em paz

Vejo o brilho dos teus olhos
O calor das tuas mãos
Que aflitas percorrem o meu corpo
Molhado, suado de amor

Mário Feijó

01.02.16
Postar um comentário