Google+ Badge

segunda-feira, 10 de agosto de 2015

SAUDADES DO BOM TEMPO DE CRIANÇA

SAUDADES DO BOM TEMPO DE CRIANÇA

Há dias em que eu sinto falta de:
Cheiro de mato molhado
Barulho de grilos
Estrelas no céu
Ver a lua cheia
Correr atrás de pirilampos
Correr descalço na areia
Pular nas poças da chuva
Esquentar na frente de um fogão à lenha
Cheiro de café torrado
Pirão de feijão com uma gema crua em cima
Tomar água na bica
Correr atrás de uma galinha para comer assada depois
Brincar em festa junina
Comer batata doce assada na brasa
Comer amendoim torradinho
Dormir em colchão com palha de milho
Jogar bolinhas de gude
Ficar brincando de roda...

Depois de matar minha saudade
Lembrando tudo
Descobrir que não sou mais criança
Mas que dentro de mim ainda existe
Aquela criança que não quer envelhecer.

Mário Feijó

10.08.15
Postar um comentário